8.9 / 10
Aplicativos disponíveis:
windows macos ios android linux chrome firefox opera

Análise à Private Internet Access

8.9/10
VPN sem registro seguro e rápido

Análise à Private Internet Access

8.9/10 Bom
VPN sem registro seguro e rápido

Uma das principais VPN do setor, a Private Internet Access é fiável nas suas capacidades de segurança e entretenimento. Se pretende utilizar torrents, desbloquear a Netflix e uma proteção média, é para si. Mas o seu serviço de apoio limitado afasta-a do topo.

Última atualização: Abril 6, 2020

Uma das principais VPN do setor, a Private Internet Access é fiável nas suas capacidades de segurança e entretenimento. Se pretende utilizar torrents, desbloquear a Netflix e uma proteção média, é para si. Mas o seu serviço de apoio limitado afasta-a do topo.

5
De 15
Provedores de VPN
Coisas que gostamos:
  • Boas credenciais de segurança
  • Boa cobertura no oeste
  • Não é mau para torrents
  • Muito barato
  • Desbloqueia o Netflix US
Coisas que não gostamos:
  • Com sede nos Estados Unidos
  • Poucos servidores fora da Europa/EUA
Preço minimo:
$2.69 / mês
Aplicativos disponíveis:
windows macos ios android linux chrome firefox opera
Funciona com:
router
Análise à Private Internet Access:
5
De 15
Provedores de VPN
Coisas que gostamos:
  • Boas credenciais de segurança
  • Boa cobertura no oeste
  • Não é mau para torrents
  • Muito barato
  • Desbloqueia o Netflix US
Coisas que não gostamos:
  • Com sede nos Estados Unidos
  • Poucos servidores fora da Europa/EUA

É verdade que a Private Internet Access (PIA) encontra-se entre as VPN mais populares. No entanto, estou ciente de que a popularidade nem sempre se traduz em qualidade. Dai esta análise.

Havia muita coisa que queria saber sobre a PIA. Por exemplo, quão bons são os seus recursos de segurança? A sua enorme lista de servidores traduz-se num desempenho de nível superior? E não vamos esquecer a pergunta que incomoda muitos em todo o mundo: a PIA desbloqueia a Netflix US?

A minha análise atualizada à Private Internet Access apresenta as respostas para estas e outras perguntas. Fique por cá e descubra se preços mais baixos podem oferecer-lhe a mesma qualidade.

Visão geral

location
Sediado em: Estados Unidos da América (EUA)
countries
Número de localizações: 46+ países
servers
Número de servidores: 3300+
netflix
Netflix: Sim
torrenting
Torrents: Sim
encryption
Encriptação : Encriptação de nível militar (AES-256)
protocols
Protocolos: OpenVPN e IKEv2
support
Assistência: E-mail
logs
Registos: Recolha de dados mínima
price
Preço: De $2.69/mês
free_trial
Versão gratuita ou de teste: Não

A Private Internet Access é segura?

A PIA não é um dos maiores serviços de VPN no que se refere a segurança. Bem como tudo o resto, as suas credenciais de segurança são medíocres.

Recursos de segurança

As cifras de encriptação de dados utilizadas pela PIA são a AES-128 e a AES-256 – um excelente nível de encriptação. A aplicação oferece mais opções de encriptação do que as normalmente disponíveis: pode escolher o seu nível de criptografia de dados, o handshake e o padrão de autenticação.

O protocolo de túnel primário da PIA é o OpenVPN, mas o serviço também possui o IKEv2 e o L2TP, muito bons para dispositivos móveis.

A Private Internet Access tem um kill switch – um recurso importante para proteger contra interrupções inesperadas na ligação. Também utilizam o seu próprio DNS privado para evitar fugas. Segundo relatos, o serviço de facto não tem fugas de DNS ou IPv6/WebRTC.

Além da VPN, também existem serviços de proxy PIA na forma de extensões do Chrome / Firefox e um proxy SOCKS5 separado.

Privacidade

A PIA é operada por uma empresa americana chamada London Trust Media. Os EUA são um dos lugares mais problemáticos para se registar uma empresa de VPN. Há muitas razões para isto – o clima legal com legislação como o Digital Millennium Copyright Act (DMCA), vigilância governamental, inclusive pela NSA, vigilância corporativa por empresas de tecnologia e telecomunicações e assim por diante. Também é problemático porque os EUA fazem parte dogrupo de países 5 olhos  (e o extenso grupo de países 14 Olhos) – uma estrutura robusta de partilha de informação.

Embora os Estados Unidos não possuam leis de retenção de dados, o governo pode aceder a registos de dados comerciais com bastante facilidade. Com isso dito, a Private Internet Access possui uma política clara de não registo. Um processo judicial dos EUA em 2015 deu crédito a essas reivindicações, bem como alguns casos mais recentes em que os funcionários da PIA foram chamados a testemunhar e não se conseguiu produzir nada de útil para a acusação.

Em resumo, a PIA oferece segurança adequada para o utilizador casual. Só não faça depender a sua vida disso.

Handshake Naming System (HNS) para privacidade máxima

Em agosto de 2019, a Private Internet Access anunciou um novo recurso – o Handshake Naming System (HNS). Para simplificar, o HNS é uma alternativa blockchain para o DNS (sistema de nomes de domínio).

O HNS descentraliza completamente o sistema de nomes de domínio e cria uma camada adicional de privacidade para os utilizadores. Segundo a PIA, também funciona como uma ferramenta contra o bloqueio ao nível do DNS (algo que os governos usam para banir sites e serviços online). Mas quão bom é?

A verdade é que o HNS é definitivamente bom e será apreciado pelos utilizadores avançados. No entanto, o seu uso para pessoas comuns é exagerado. Não é mais eficaz para ignorar o bloqueio de DNS do que os servidores DNS PIA regulares. As únicas exceções a esta regra são exemplos extremos, e certamente não o bloqueio de sites como o Facebook.

Velocidade e desempenho

As velocidades de ligação dependem da localização. Por causa disto, nenhum teste de velocidade média do mundo me pode dar uma boa resposta à pergunta “quão rápida é esta VPN ?” Neste caso específico, é mais provável que sinta os efeitos negativos da distribuição de servidores PIA se se encontrar na Ásia (incluindo o Oriente Médio), África ou mesmo na América do Sul – a maioria dos servidores simplesmente não se encontra sediado nestes locais.

Servidores PIA

Se estiver na Europa ou na América do Norte, está com sorte. Número de servidores do PIA: mais de 3 300, também conhecido por “imensos”. Os nossos mais recentes testes de velocidade demonstram que a VPN finalmente conseguiu capitalizar na grande quantidade de servidores, apesar de ter velocidades bastante medianas no passado.

Executei os meus testes de velocidade da Europa, onde a nossa velocidade de transferência/carregamento sem uma VPN é de cerca de 280 Mbps. Aqui estão os resultados para as regiões populares em todo o mund.

imagem de informações da lista de servidores pia

RU, Southampton

Teste de velocidade da Private Internet Access no Reino Unido, Londres

110 Mbps de transferência (aprox. 39%) e 231 Mbps (aprox. 83%) de carregamento são velocidades muito boas.

EUA, Nova Iorque

Teste de velocidade da Private Internet Access nos EUA, Nova Iorque

77 Mbps de transferência (aprox. 28%) e 57 Mbps (aprox. 20%) de carregamento são velocidades bastante aceitáveis.

EUA, Califórnia

Teste de velocidade à Private Internet Access nos EUA, Los Angeles

128 Mbps de transferência (aprox. 46%), 97 Mbps de carregamento (aprox. 35%) são mais do que impressionantes, especialmente para um servidor tão distante. Notará que o ping aumentou em comparação com Nova Iorque.

Japão, Tóquio

Teste de velocidade à Private Internet Access no Japão, Tóquio

68 Mbps de transferência (aprox. 24%), 9 Mbps de carregamento (aprox. 3%) é mais do que suficiente para qualquer coisa que queira fazer: streaming, torrent, VOIP etc.

Austrália, Sydney

Teste de velocidade à Private Internet Access na Austrália

74 Mbps de transferência (aprox. 27%), 4 Mbps de carregamento (aprox. 4%) para a Austrália é inesperadamente alto. Obviamente, o ping também é alto, como deveria ser.

Como transferir a PIA

Basta ir ao site da PIA e clicar no botão cor cenoura COMEÇAR AGORA . Ser-lhe-á pedido que escolha um dos três planos de preços, selecione um método de pagamento e efetue o pagamento. Criará então uma conta e receberá um e-mail com o seu nome de utilizador e a sua palavra-passe. Insira-os no ecrã de início de sessão quando a aplicação iniciar.

Todas as versões da aplicação podem ser encontradas na página de transferências  do website, incluindo a nova aplicação (atualmente disponível para Windows, macOS e Linux).

Como instalar a PIA

A página que inicia a sua transferência tem todas as instruções sobre como instalar a PIA. Terá de:

  1. Executar o programa de instalação a partir do navegador ou do seu diretório Transferências.
  2. Escolher o idioma para a instalação.
  3. Permitir que o instalador faça alterações ao seu dispositivo (clique Sim quando solicitado).
  4. Seguir as instruções do assistente de instalação – instalará o cliente e o driver TAP.
  5. Clique em “Terminar”.

Como utilizar a PIA

A versão do Windows 10 da Private Internet Access é a que eu analisarei. A PIA lançou recentemente uma nova aplicação (v 1.0.2) – é elegante, simplista e possui alguns benefícios de segurança em relação à antiga.

Área de trabalho da aplicação PIA (beta)

Quando iniciar a aplicação, deverá ser recebido por um ecrã onde pode iniciar sessão ou dar uma rápida voltaao programa.

ecrã inicial da private internet access

Insira as suas credenciais no ecrã de início de sessão. Assim que o fizer, verá um ecrã inicial simples, no qual pode clicar no grandebotão Ligar, escolha o servidor ou entre no ecrã Configurações (botão no canto superior direito).

ecrã inicial da pia

O ecrã de escolha do servidor permite-lhe escolher por nome de latência (ping). Pode expandir ou minimizar as listas de locais em vários países. Não há fogos de artifício, mas o menu é fácil de utilizar e auto-explicativo.

menu de seleção do servidor pia

O ecrã Configurações da PIA é uma alteração da versão antiga, onde tudo estava amontoado numa longa lista de configurações. Aqui verá as opções divididas por função:

  • As definições de privacidadepermitem-lhe personalizar o kill switch e alternar o PIA MACE, que é um bom recurso de segurança do navegador que combina um bloqueador de anúncios, bloqueador de rastreadores e escudo contra malware.

ecrã de preferências de privacidade da pia

  • As preferências de rede permitem-lhe escolher os servidores DNS Request Port Forwarding(útil para propagação de torrents ou ligações de área de trabalho remota) e alterne entre aceitar ou não tráfego LAN .

ecrã de preferências de rede da pia

  • Preferências de ligaçãooferece para escolher o protocolo de túnel(tipo de ligação), porta remota/local, bem como as definições de cifra. Um recurso quase exclusivo da PIA é a opção de usar pacotes pequenos, o que deve melhorar a experiência dos utilizadores com problemas de estabilidade de ligação.

ecrã de preferências de ligação da pia

Em última análise, isto constitui um bom conjunto de recursos, embora os utilizadores avançados possam perder informações do servidor ou recursos ocultos para uso em países com muita censura.

Aplicações e extensões

Existem aplicações personalizadas para todas as plataformas principais: Windows, macOS, Linux (v 1.0.2), iOS e Android. De momento, não há aplicação de roteador da Private Internet Access, mas ainda pode executar a VPN PIA em dispositivos roteadores se seguir as instruções no site. Por fim, também pode transferir as extensões do Chrome/Firefox/Opera.

lista de transferências de aplicações da pia

Ambas as versões móveis têm basicamente os mesmos recursos que os de ambiente de trabalho. Terá acesso ao kill switch, escolher onde ligar e regular o nível de encriptação. O Android ainda oferece o OpenVPN, que infelizmente não está disponível na versão iOS. Esta é indiscutivelmente a maior desvantagem deste último – utiliza o L2TP/IPSec por defeito.

Extensões da PIA para Chrome e Firefox são complementos de proxy HTTPS. Isto é bom, mas tenha em mente que somente o seu tráfego da web será afetado. As extensões do Chrome e do Firefox não são a única forma de utilizar um proxy do Private Internet Access – cada assinatura inclui um proxy SOCKS5. Precisará de uma palavra-passe separada para utilizá-la, que pode gerar no painel de controlo do cliente.

Private Internet Access para Netflix

Testei a Netflix da Europa, utilizando o fast.com para determinar a velocidade nominal e verificar os tempos de carregamento (se o conteúdo foi desbloqueado com sucesso). A velocidade original sem uma VPN era de 230 Mbps, conforme o teste do fast.com.

EUA, Nova Iorque

Resultados de testes de velocidade da Netflix com a Private Internet Access nos EUA, Nova Iorque

64 Mbps, mais do que suficiente para UHD (4K). O tempo de carregamento não excedeu alguns segundos. Aqui está o resultado:

pia netflix punisher

EUA, Los Angeles
74 Mbps. Mais de uma vez, estou a obter melhores resultados para a Netflix na costa oeste, apesar de Nova Iorque estar mais próxima.

Países Baixos, Utrecht
92 Mbps e Netflix desbloqueada! Os tempos de carregamento foram de alguns segundos no máximo, enquanto a transmissão foi suave como mármore.

Tentei também vários outros locais – Reino Unido, Canadá, Alemanha, Japão – mas nenhum conseguiu desbloquear a Netflix.

Private Internet Access para Kodi

Com algumas reservas, posso recomendar a PIA VPN para Kodi.

Em termos de segurança, a Private Internet Access é uma ótima opção para Kodi. No entanto, em termos de compatibilidade, a PIA não possui aplicação Android TV ou Amazon Fire TV (Firestick), embora ainda possa executá-la nestes dispositivos seguindo as instruções no seu site.

Por outro lado, a PIA não é a escolha preferida dos “deficientes- geográficos”. Portanto, apesar de tudo, posso recomendar a PIA VPN para Kodi, mas não é a melhor opção.

Private Internet Access para torrents

A Private Internet Access definitivamente não é a pior opção para torrent. Os utilizadores europeus e norte-americanos consideram que as velocidades decentes e os recursos de segurança são suficientes. Há também o recurso de encaminhamento de porta, o que é ótimo se o seu rastreador de torrents exigir que faça “seed”. Use-o por sua conta e risco, pois aumenta a hipótese de ser descoberto.

Ao contrário de outros serviços VPN, a PIA não limita o tráfego P2P na rede – pode utilizar torrents a partir de qualquer servidor. Além disso, os utilizadores podem tirar proveito da proxy gratuita SOCKS5. Tal permite proteger o tráfego ao nível da aplicação de VPN, economizando potencialmente uma largura de banda valiosa.

É bom para os utilizadores na China?

A Private Internet Access possui uma boa encriptação, e a jurisdição dos EUA não deve ser motivo de preocupação para alguém na China. No entanto, a velocidade e a capacidade da PIA de enganar a Grande Firewall estão em questão. Dos mais de 3 275 servidores, muito poucos localizam-se no Extremo Oriente, o que torna a sobrelotação um problema. Quanto à Grande Firewall, a própria PIA admite ter problemas na China e a sua solução é sugerir o uso de L2TP/IPSec em vez de OpenVPN. O problema disso é duplo:

  • O IPSec/L2TP não é tão seguro;
  • Este protocolo precisa de ser configurado manualmente.

A PIA não possui nenhum tipo de “protocolo furtivo” para contornar a inspeção profunda de pacotes (DPI) – um método avançado que a China utiliza para encontrar tráfego VPN numa rede.

Serviço de apoio

Não há desculpa para se ser tão grande no mercado de VPN e não ter uma forma rápida de responder aos pedidos dos utilizadores.

A Private Internet Access possui opções limitadas de apoio ao cliente. Estas são:

  • Recursos de auto-ajuda– bases de dados, guias, notícias, fórum (Feedback)
  • Pedidos de assistência

Não existe uma opção de apoio via conversa ao vivo , e muito menos um que esteja permanente disponível. O sistema de “pedido” também não é muito bom: é muito lento, especialmente para consultas que não exigem muito tempo ou atenção. E, como qualquer pessoa que trabalhe no atendimento ao cliente lhe dirá, a esmagadora maioria dos problemas pode ser resolvida rapidamente.

Além disso, descobri que a Internet está cheia de comentários zangados sobre o serviço de apoio não responsivo da PIA, respostas robóticas e inúteis e a falta de uma boa maneira de levar as suas queixas “à cadeia de comando”.

Preços

planos de preços da pia

Existem três planos diferentes de preços da Private Internet Access. Pode obtê-la por:

  • Tarifário de 1 mês para vários dispositivos (até 5): USD $9.95/mês
  • Tarifário de 6 meses para vários dispositivos (até 5): USD 35,95$ (USD $5.99/mês)
  • Tarifário de 1 ano para vários dispositivos (até 5): USD 39,95 $ (USD $3.33/mês)

Posso atacar a Private Internet Access por não oferecer uma avaliação gratuita, mas com preços tão baixos não os culpo por não o ter. Em vez disso, recebe uma garantia de devolução de dinheiro de 7 dias – é justo, PIA.

A conclusão da nossa análise da Private Internet Access

A PIA é uma ferramenta fiável, tanto em termos de segurança quanto de entretenimento. Se é europeu ou norte-americano e os seus objetivos são 1) torrent; 2) transmitir a Netflix US;3) proteger-se dos cibercriminosos enquanto bebe um café com leite num Starbucks – a PIA é para si. Caso contrário, é melhor escolher algo da nossa lista de líderes do setor de VPN.

Bom

  • Boas credenciais de segurança
  • Boa cobertura no oeste
  • Não é mau para torrents
  • Muito barato
  • Desbloqueia o Netflix US
  • Serviço amigo da privacidade

Mau

  • Com sede nos Estados Unidos
  • Poucos servidores fora da Europa/EUA
  • Não é bom na China
  • Mau serviço de apoio ao cliente
 8.9 / 10
Pontuação total
$2.69 / mês
Preço minimo
Melhores fornecedores de VPN
ExpressVPN
9.6 / 10
Excelente segurança
Muito rápido
Muito boa para Torrenting
NordVPN
9.5 / 10
Práticas de privacidade impecáveis
Privacidade perfeita

Aviso legal: as ligações de afiliados ajudam-nos a produzir um bom conteúdo. Saber mais.

Melhores fornecedores de VPN
ExpressVPN
9.6 / 10
Excelente segurança
Muito rápido
Muito boa para Torrenting
NordVPN
9.5 / 10
Práticas de privacidade impecáveis
Privacidade perfeita

Aviso legal: as ligações de afiliados ajudam-nos a produzir um bom conteúdo. Saber mais.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


Artigo anterior Análise do Hotspot Shield Análise do Hotspot Shield
Artigo seguinte Análise da ProtonVPN Análise da ProtonVPN
5
De 15
Provedores de VPN
Coisas que gostamos:
  • Boas credenciais de segurança
  • Boa cobertura no oeste
  • Não é mau para torrents
  • Muito barato
  • Desbloqueia o Netflix US
Coisas que não gostamos:
  • Com sede nos Estados Unidos
  • Poucos servidores fora da Europa/EUA
Planos de preços:
1 ano
$3.33 / mês
6 meses
$5.99 / mês
1 mês
$9.95 / mês
2 years + 2 months
$2.69 / mês
Table of Contents:
Close
Obtenha a PIA
Share
Share

Thanks for your opinion!

Your comment will be checked for spam and approved as soon as possible.